De A-Ha a U2

Desde a adolescência, nos anos 80, quando adquiri o hábito da leitura – livros, jornais e revistas, principalmente assuntos relacionados à música, uma grande paixão – sempre observei bons jornalistas e acompanhava seus artigos sobre as bandas, filmes e tudo mais que me interessava ler.

O primeiro que me despertou atenção especial foi Tom Leão, do Globo, que sempre escrevia exatamente o que eu pensava sobre música em geral. Lançou, junto com Carlos Albuquerque, o Rio Fanzine, onde continua escrevendo. Depois descobri que ele era “afilhado” de Ana Maria Bahiana, jornalista fabulosa que admiro e respeito muito até hoje, também do Globo, que escreve sempre sobre cinema e recentemente lançou o livro Almanaque dos Anos 70.Z<p>eca Camargo

Já no iniciozinho dos anos 90 surgiu o Zeca Camargo, na então iniciante MTV brasileira. Mesmo depois que foi contratado pela Rede Globo, sempre continuou dando um jeito de fazer algumas matérias interessantes.

Tudo isso pra dizer que hoje vi uma entrevista sua na TV Câmara, realizada em Brasília, pois está lançando um livro (De A-Ha a U2) com os bastidores das várias entrevistas que já fez com astros da música do mundo inteiro. Muito Inteligente, deu dicas para uma platéia cheia de universitários – muitos estudantes de jornalismo – e contou um pouco de seus medos e angústias de início de carreira, de como aprendeu a separar o fã do profissional, pois já estragou uma entrevista com Michael Stipe, vocalista do R.E.M. por esse motivo, e outras coisas mais.

Boa sugestão para leitura.

Assim que tiver tempo ($) vou ler.

Anúncios
Published in: on outubro 22, 2006 at 9:08 pm  Comments (4)  

The URI to TrackBack this entry is: https://maturana.wordpress.com/2006/10/22/de-a-ha-a-u2/trackback/

RSS feed for comments on this post.

4 ComentáriosDeixe um comentário

  1. É. Vou ler. Mas por enquanto estou sem os dois tempos tmb.

  2. Você sabe que o Tom Leão tem blog, né?
    http://nacovadoleao.blogspot.com/

  3. Eu já li e falo: para quem quer ser crítico de música ou jornalista cultural, a leitura é imprescondível. Esqueça Cremilda Medina. Zeca Camargo dá a melhor aula sobre entrevista.

  4. é imprescindível.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: